Pular para o conteúdo

O enigma do capital

20/02/2012

O marxismo pé-no-chão de David Harvey

Nesta nota procura-se mostrar que a compreensão de capital e das crises do capitalismo apresentadas por David Harvey em seu livro O enigma do capital e as crises do capitalismo são conceitualmente equivocadas quando postas em confronto com as teses de Marx. Ele sustenta, por exemplo, que o capital é um fluxo, o que não está em convergência com o conceito marxiano de capital; para Marx, como sabe qualquer estudioso de O Capital,  é uma substância-sujeito. Ademais, a crise econômica para ele  decorre de um obstáculo ao circuito de reprodução do capital, quando, para Marx, é o próprio capital que engendra endogenamente as suas crises. Para ler essa crítica, que, aliás, não é muito longa,  basta Baixar texto 24.

Comentários encerrados.